Pérolas do Senado: daqui não saio, daqui ninguém me tira

Renan Calheiros não quer largar o osso.Foto: internet/reprodução.
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello concedeu liminar ontem (05/12) para afastar Renan Calheiros (PMDB-AL) da presidência do Senado, mantendo, contudo, o mandato de senador.
O STF expediu mandado para intimar o presidente do Senado da decisão e o que fez Renan?

Renan se trancou em seu gabinete. Deu ordem à “polícia legislativa” que não permitisse que o oficial de justiça se aproximasse dele para intimá-lo. Disse que não iria assinar mandado judicial nenhum. Que não iria cumprir determinação judicial e, para legitimar sua decisão, botou a assessoria jurídica do Senado para inventar uma justificativa jurídica para o descumprimento de ordem judicial e ainda usou o seu poder político para convencer toda a mesa diretora a ratificar seu ato.
Pode isso Arnaldo? Só nessa República de bananas mesmo! Quero ver se o ministro Marco Aurélio vai mandar a polícia federal prender ou não o senador Renan pelo descumprimento de ordem judicial.
Fonte: Guilherme Pontes.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.