Dr. Guilherme Pontes

Direito, política, segurança pública

26/02/2017

Policial civil do DF atropela PMs do Batalhão Escolar na Estrutural

Foto: whatsapp/reprodução.

Um policial civil atropelou dois PMs do Batalhão Escolar que seguiam de moto pela Via Estrutural, sentido Plano Piloto, por volta das 21h deste sábado (26/2). Segundo relatos de testemunhas, o motorista teria assumido que ingeriu bebida alcoólica, mas exames não comprovaram a embriaguez.
Após o acidente, o motorista declarou que era policial civil lotado no Instituto Médico Legal (IML). Ele foi levado à 12ª Delegacia de Polícia (Taguatinga) para registro da ocorrência, uma vez que causou ferimentos às vítimas da colisão.
Segundo o delegado que estava de plantão no momento, Luís Fernando Cocito Araújo, o condutor foi encaminhado ao IML para exame, uma vez que as testemunhas disseram ter percebido que ele apresentava sinais de embriaguez.
Pelo relato de um policial militar, presente no momento do acidente, o motorista estaria com “hálito etílico e cambaleava”. Ele disse também que o agente tinha uma arma no carro. O depoimento foi dado ao delegado de plantão e registrado na ocorrência a qual o Metrópoles teve acesso.
Em um vídeo que circula pelo WhatsApp, o próprio policial civil teria admitido ter bebido cerveja e whisky antes de dirigir. A Polícia Civil forneceu as iniciais do nome do servidor como sendo A.O.B. O Metrópoles apurou que se trata de Alexandre de Oliveira Bayma, 48 anos. No vídeo, ele fala o primeiro nome. Confira abaixo.


Fonte: Metropoles.

IMPRIMIR - PDF - EMAIL

Página Inicial