Dr. Guilherme Pontes

Direito, política, segurança pública

19/05/2017

Boas ideias percorrem uma rede do bem para ajudar crianças e adolescentes


Iniciativa para o bem é aquele momento em que uma ideia migra à realidade e promove algo de bom a outras pessoas. E, quando se tem uma boa rede de contatos unida e pensando no bem comum, muitos indivíduos podem ser ajudados. O programa de voluntariado da Vara da Infância e da Juventude do DF (VIJ-DF), Rede Solidária Anjos do Amanhã, funciona envolvendo uma teia de pessoas físicas e jurídicas, projetos e ideias em busca de recursos para destinar ao público atendido pela VIJ-DF: crianças, adolescentes e seus familiares, carentes sob diversos aspectos.
No último dia 12 de maio, o oficial de justiça do TJDFT Marcelo Teixeira Gallerani entregou 120 kg de alimentos não perecíveis à Rede Solidária, que serão destinados a duas entidades de acolhimento de meninos e meninas do DF. A ideia partiu do servidor, que também é comissário de proteção da infância e da juventude credenciado pela Vara e diretor da Motonáutica do Iate Clube de Brasília. Ele foi responsável pela organização do 2º Torneio Comodoro de Motonáutica (Corrida de Jet Ski), ocorrido nos dias 6 e 7 de maio, no Iate Clube, e pediu aos participantes a doação de alimentos como forma de inscrição no campeonato. “Eu pensei: não vamos cobrar dinheiro. Vamos pedir alimentos para ajudarmos um maior número de pessoas”, afirma Marcelo, que já cogita vincular outras doações à Rede Solidária dos eventos náuticos que vier a promover pelo Iate Clube.
Da iniciativa de Gallerani até a mesa das crianças e adolescentes, a ideia percorreu um caminho em rede. A supervisora da Seção de Apuração e Proteção da VIJ-DF, Ana Luíza Simões Müller, que coordena os comissários de proteção, ficou sabendo da doação pelo oficial de justiça e consultou Eustáquio Coutinho, assessor técnico da Vara, que sugeriu a entrega dos alimentos à Rede Solidária Anjos do Amanhã, por conhecer a fundo as carências das entidades de acolhimento do DF.
Ao receber a doação, Gelson Leite, supervisor do Anjos do Amanhã, ressaltou a importância da divulgação da Rede e agradeceu o início da parceria com o Iate Clube: “O ato simboliza a aproximação da Rede Solidária com o Iate Clube para uma parceria promissora e ainda celebra o fato de ter sido intermediada por um servidor do Tribunal de Justiça”, declara.
Voluntariado
Qualquer pessoa pode ajudar as crianças e os adolescentes atendidos pela Vara da Infância e da Juventude, por intermédio da Rede Solidária Anjos do Amanhã. Uma das formas de contribuir é integrar uma lista de discussão do Anjos do Amanhã: rsanjosdoamanha@googlegroups.com. Trata-se de um espaço virtual destinado aos voluntários e parceiros, criado especialmente para divulgar notícias, informações, campanhas promovidas pelo programa e demandas pontuais de crianças, adolescentes e familiares atendidos pela VIJ-DF, que nem sempre são divulgadas amplamente na mídia. O moderador do Anjos do Amanhã é ponderado no envio de mensagens.
Quem quiser contribuir, conforme sua possibilidade e disposição, basta encaminhar nome e e-mail para anjosdoamanha@tjdft.jus.br, escrevendo no assunto Lista de Discussão – Quero Participar. Para saber mais sobre essa ideia, clique aqui.

Fonte: TJDFT.




IMPRIMIR - PDF - EMAIL

Página Inicial