Política e Segurança Pública na Capital Federal.

08/06/2017

Advogado beneficiado com contrato de R$ 540 mil sem licitação com a prefeitura foi acusado de apropriação indébita


O advogado agraciado com o contrato de mais de meio milhão de reais sem licitação pela prefeitura de Planaltina de Goiás, já é conhecido no meio jurídico de Brasília.
À guisa de exemplo, citemos o ocorrido em julho de 2010, quando o Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados do DF (SINDPD-DF), apresentou representação na Ordem dos Advogados do Brasil  contra Klaus Stenius Bezerra Camelo de Melo, OAB/DF 24.897.
Klaus foi contratado para prestar serviços advocatícios ao SINDPD e, após cumprir alvará de levantamento de valores, não teria repassado o dinheiro aos clientes, mas, ao contrário, teria depositado a quantia em sua própria conta corrente.



O SINDPD registrou um boletim de ocorrência na 5ª Delegacia de Polícia noticiando o crime em tese praticado por Klaus de apropriação indébita e, posteriormente, protocolou representação contra Klaus na OAB-DF.

Por Dr. Guilherme Pontes.
Advogado e Professor de Direito.




IMPRIMIR - PDF - EMAIL

Página Inicial